Nossa experiência

é a sua garantia.

© 2018 por Escritório Comercial Macieira   |   Site desenvolvido por NaMedida Marketing Digital.

Rua XV de Novembro, 206

Vila Arens | Jundiaí | SP

(11) 4527-5760

Contábil, Fiscal e Legalização:

(11) 99662-4511

Departamento Pessoal:

(11) 99625-7285

Financeiro:

(11) 95080-4888

Please reload

Posts Recentes

Desoneração de folha de pagamento

May 8, 2019

1/2
Please reload

Posts Em Destaque

Simples Nacional 2018: o que muda para sua empresa?

February 26, 2018

Você deve ter ouvido falar sobre as grandes mudanças que acontecerão no Simples Nacional a partir de 2018. Você e sua empresa já estão preparados? Resumimos aqui as mudanças que impactam o dia a dia da sua empresa:

 

Os novos Limites de Faturamento

 

A partir de 2018, o limite da receita bruta anual para que pequenas empresas possam participar do Simples passará de R$ 3,6 milhões para R$ 4,8 milhões por ano, o que equivale a uma média mensal de R$ 400 mil. Dessa forma, se a sua empresa faturou até R$ 4,8 milhões em 2017, ela pode optar pelo Simples em janeiro de 2018.

 

Mas há uma ressalva: se o faturamento da sua empresa nesse ano não ultrapassar R$ 3,6 milhões, você poderá recolher todos os seus tributos pelo Simples, ou seja, em uma única guia.

Entretanto, se o faturamento for superior a R$ 3,6 milhões e inferior a R$ 4,8 milhões, ainda que você possa continuar no Simples, terá que pagar ICMS e ISS separadamente do DAS. Nessa ocasião, apenas os impostos federais terão recolhimento unificado.

 

Novas Atividades que podem optar pelo Simples Nacional

 

Em 2018, vários participantes poderão ser incluídos no Novo Simples Nacional, como:

Micro e pequenos produtores e atacadistas de bebidas alcoólicas (cervejarias, vinícolas, licores e destilarias): a partir de 2018, eles poderão optar pelo Simples Nacional, desde que inscritos no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

 

Serviços médicos como terapia ocupacional, podologia, odontologia, psicologia, fonoaudiologia, banco de leite, entre outros.

 

Representação comercial, auditoria, economia, consultoria entre outros.

 

Importante: conte sempre com o auxílio do seu contador

 

Essas alterações certamente são de grande valia para o empreendedorismo. Mas, como se vê, os ajustes a serem feitos não são propriamente simples. Por isso recomendamos que o empreendedor procure sempre um bom contador para avaliar a melhor opção para o seu caso.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square